/* */ Cor Sem Fim: Cinco diferenças entre o Ensino Secundário e o Ensino Superior

8.9.16

Cinco diferenças entre o Ensino Secundário e o Ensino Superior

Devem ter lido o post da Iara, do Eyara, sobre as cinco diferenças que ela encontrou entre o 3º Ciclo e o Ensino Secundário. Tal como ela vos disse, este é um post de colaboração e eu trago-vos cinco diferenças entre o Ensino Secundário e o Ensino Superior.

Como é lógico, cada ano que avançam exige mais trabalho, mais dedicação, mais responsabilidade e traz-vos mais liberdade. Nem sempre a maturidade aumenta ao longo dos anos, mas isso seria algo que deveria acontecer. Eu não notei muita diferença entre o Ensino Secundário e o Ensino Superior. Para começar, fiquei na mesma cidade. Logo, não tive que procurar casa. Também já conhecia a escola. E um ou outro professor. Portanto a adaptação não foi complicada!

Relativamente a diferenças entre o Ensino Secundário e o Ensino Superior, existem várias e isso também difere muito de escola para escola, de instituto para instituto, de universidade para universidade, de faculdade para faculdade. Trago-vos umas mais específicas e outras que acho que são mais gerais.

1 | Horários

No Ensino Secundário tinham só um horário para o ano lectivo inteiro. No Ensino Superior têm dois (ou mais. Há, até, professores com horários específicos.). No Secundário têm três períodos; no Superior, dois semestres. No Secundário têm férias no Natal, no Carnaval, na Páscoa e no Verão. No Superior têm "interrupção lectiva" (que é o caso do Carnaval no Secundário) no Natal, na Páscoa (uma semana só) e há quem tenha ou não no Verão. O semestre aqui termina por volta de Janeiro/Fevereiro e, se fizermos as disciplinas todas e estivermos satisfeitos com os resultados, temos cerca de um mês de férias.

2 | Disciplinas

A quantidade de disciplinas de um ensino para outro não varia muito MAS varia dependendo do semestre. Há semestres com cinco disciplinas e há semestres com sete ou oito. Cada semestre também tem disciplinas diferentes do semestre anterior (ainda que haja disciplinas com "continuação". Por exemplo, Desenho I e Desenho II que podem ou não ser dados pelo mesmo professor).

3 | Ambiente da Escola 

Não existe uma campainha. Toda a gente está atenta às horas e a aula começa quando o professor chegar. Na minha escola nem é muito costume ver os alunos à espera à porta da sala (normalmente a malta do primeiro ano é que tem muito este hábito). Também vamos notando um padrão nas horas a que os professores chegam e esperamos no bar ou nos sofás (YES, A MINHA ESCOLA TEM SOFÁS) até chegar a essas horas ou vermos o professor passar.

4 | Livros e Materiais

Não há, pelo menos no meu curso, livros obrigatórios. No Secundário, no início do ano tínhamos uma lista de livros para comprar para cada disciplina. No Superior não. No Superior temos uma lista de livros sugeridos que podemos usar como apoio para trabalhos e para consultas. Também não há uma lista de materiais. Eu, por exemplo, no meu curso, uso materiais diferentes de alguns cursos. Irei mostrar-vos os meus materiais num post de colaboração com a Blue.

5 | Liberdade, Responsabilidade e Aceitação

Tal como a Iara disse no seu post, do 3º Ciclo para o Secundário nota-se uma diferença nestes três pontos. O mesmo acontece do Secundário para o Superior. No meu curso, por exemplo, não há faltas. Mas há professores que querem acompanhar os trabalhos, ou seja, convém estarmos presentes nas aulas. Com a adaptação e o tempo que vamos passando no curso, começamos a perceber quais aquelas que podemos dispensar para dar tempo aos chamados cadeirões do semestre: disciplinas mais complicadas e mais trabalhosas que nos ensinam coisas importantes para o curso. Aí temos liberdade para muitas das vezes não ir às aulas, mas temos que ter responsabilidade para não fazer disso hábito e não deixarmos cadeiras por fazer. Relativamente às roupas, acho que quase ninguém se importa com o que vestimos.

Estas foram 5 diferenças que decidi destacar entre os dois ensinos. Há alguma diferença entre este ensino superior que vivo e o vosso?

2 comentários:

  1. Concordo com as diferenças que realçaste contudo, acho que nos habituamos a elas rapidamente e até estou feliz por elas existirem, mostram-nos que estamos a crescer e que temos de ter em conta que temos mais responsabilidades agora e que temos de saber tomar conta de nós próprios!

    xx Rita | O blog da Ritinha

    ResponderEliminar